Arquivo da categoria: Pernambuco

Porto de Galinhas, Recife e Olinda – PE

Pra começar adoraria me desculpar pelo preconceito que eu tinha com o Nordeste. De fato, era descabido. Duvido que tenha lugar com pessoas tão simpáticas e prestativas como as de lá.

Breve história/curiosidade sobre Porto de Galinhas

Porto de Galinhas era chamada Porto Rico, devido à extração de Pau Brasil. Quando os escravos chegavam para serem vendidos, contrabandeados, vinham escondidos embaixo de engradados de galinhas d’angola. A chegada dos escravos na beira mar era anunciada pela senha “Tem galinha nova no Porto!”. Por causa disso, Porto Rico ficou conhecida como Porto das “galinhas”. Daí surgiu o nome Porto de Galinhas.

Passei 10 dias num pedaço de paraíso com a minha mãe. Posso garantir que além de me renderem alguns quilos a mais, consegui pela primeira vez ter férias e literalmente descansar. Daquele jeito que você acorda, toma café e vai dormir na areia da praia. Infelizmente não foi a melhor época do ano pra ir pro Nordeste. Peguei alguns dias de chuva. De qualquer forma, super valeu a pena.

Um detalhe que você precisa estar atento quando viajar para qualquer lugar que tenha passeios no mar é a Tábua das Marés (confira aqui). Nesse site você coloca a localidade para onde vai viajar e o período do ano e ele vai te dar uma tabela. Quanto menor o número, mais baixa estará a maré. Isso significa que o horário que o número aparece mais próximo de 0.0 é o que as piscinas naturais estão mais aparentes. Sendo assim, é o preferido para a maioria dos passeios. É muito importante ficar atento a isso. Chegar no horário errado pode estragar completamente seu passeio. De um dia pro outro o melhor horário da maré aumenta em 1h. Por exemplo: se a maré mais baixa hoje for às 7:20, você pode se programar para ter a maré baixa às 8:20 no dia seguinte. Não exatamente nos minutos cravados, mas é mais ou menos assim. As melhores marés estão no período da lua cheia. Tanto a maré alta quanto a baixa.

Os moradores e guias normalmente sabem os horários das marés de cabeça. Você não vai precisar se preocupar tanto com isso se tiver com algum guia. No meu caso, fui direto procurar o guia que levou meu pai pros passeios quando ele esteve lá. Sr. Francisco é uma criatura incrível. Comecei programando dois passeios com ele, mas no final de 10 dias, tinha passado 6 dias inteiros com ele. E foi assim que aprendi algumas palavras locais que já me fizeram rir bastante.

Seu Francisco no final de 6 dias já tinha levado bolo de chocolate que a mulher dele fez pra gente e já tinha feito o convite pra conhecermos a casa dele, Lampião e Maria Bonita.

Seguem alguns:

– É um rio de janeiro: quando alguma coisa ou lugar é muito bonito, muito legal.

– Praca de garagem (Placa de Garagem): quando a pessoa está moída. Não sabe se toma banho, se dorme ou se come.

– Gratinado: muito queimado de sol.

– Pronto: essa palavra incrível serve pra quase tudo no vocabulário deles. Basicamente é usada no começo de alguma frase no lugar de “então”.

– Imprensar : enforcar feriado

– Dia pardo: anoitecer

– Passar apurado: passar apuros

– Na boquinha da noite: quando está no começo da noite.

– Paraibano – quem faz besteira. O famoso Baiano no Sudeste.

– 15 pras 3: uma pessoa complicada. Não é nem 3 nem 2:30.

– Fazer menino: fazer filho.

– Pegar abuso: ficar irritado com alguém.

– Pirangueiro: pão duro.

– Feijão de corda: feijão xoxa bunda.

Hospedagem

Sei que fugi um pouco do propósito do blog, mas acabei me hospedando em um resort. Escolhemos o Serrambi Resort, que fica na Praia de Serrambi, a 20 minutos de Porto de Galinhas. É um lugar incrível com uma mega estrutura. Não está entre os resorts mais caros, nem entre as hospedagens mais baratas. Vale a pena se você quiser um pouco de sossego.

Serrambi Resort
Pôr do Sol na Praia de Serrambi

Passeios

Dicas mais do que importantes:

1 – Leve dinheiro em espécie. A maioria dos passeios não vai aceitar cartão de crédito e achar um banco é MUITO difícil por lá.

2 – Leve chinelo para todos os passeios (de preferência Crocs, porque não saem do pé). Os recifes de corais são cheios de ouriços e se você pisar em algum deles pode garantir uma febre e estragar seu passeio.

– Praia dos Carneiros

Esse foi um dos meus passeios favoritos e certamente um dos mais longos. Você pode parar pra tomar um banho de argila se quiser na praia do Jacaré. Logo depois, mergulhar nas piscinas naturais e terminar a manhã almoçando num delicioso restaurante. Fica aqui minha recomendação. O Bora Bora é o melhor de lá. Pelo menos é o que dizem e eu também amei.

Praia do Jacaré
Praia do Jacaré
Parede de argila
Parede de argila
Praia do Jacaré - Banho de Argila
Praia do Jacaré – Banho de Argila
Xié - esse caranguejinho é usado como isca pra pescar tainha e robalo. A fêmea tem essa garrinha maior. O macho é bem menorzinho.
Xié – esse caranguejinho é usado como isca pra pescar tainha e robalo. A fêmea tem essa garrinha maior. O macho é bem menorzinho.
Piscinas Naturais - Praia dos Carneiros
Piscinas Naturais – Praia dos Carneiros
Aqui você vê os recifes de  corais. Quando a maré sobe os recifes ficam completamente cobertos por água e desaparecem.
Aqui você vê os recifes de corais. Quando a maré sobe os recifes ficam completamente cobertos por água e desaparecem.
É isso o que você vê dentro das piscinas naturais. É importante ficar boiando o tempo todo. Quanto mais você coloca o pé no chão, mais sedimento sobe e a água fica turva. Quanto mais cedo melhor para visualizar os peixes.
É isso o que você vê dentro das piscinas naturais. É importante ficar boiando o tempo todo. Quanto mais você coloca o pé no chão, mais sedimento sobe e a água fica turva. Quanto mais cedo melhor para visualizar os peixes.

– Praia do Cupe

É uma praia incrível. A maioria dos hoteis e casas ficam nela. O visual é realmente impressionante, mas ela não é a melhor opção pra quem quer tomar banho de mar. As ondas são muito agitadas e por esse motivo é mais procurada por surfistas.

Praia do Cupe
Praia do Cupe
Praia do Cupe
Praia do Cupe
Praia do Cupe
Praia do Cupe

7445_10201612578221434_1043478246_n

– Porto de Galinhas

Se você foi para Porto, já sabe sobre as famosas piscinas naturais, sobre o mapa do Brasil e sobre os peixinhos que você pode alimentar por lá.

O que realmente me entristeceu foi perceber que o turismo está destruindo os corais. Junto com os jangadeiros de lá, o IBAMA estabeleceu uma área onde os turistas podem pisar. E algumas áreas que não podem ser visitadas por se tratarem de uma reserva ecológica.

Como os turista não precisam ir de jangada e não existe fiscalização, não é difícil ver um ou outro mergulhando nas piscinas que estão cercadas com boias vermelhas. Alguns turistas inclusive fazem isso pelo simples prazer de transgredir as regras.

Se você for cedo, vai aproveitar tudo que o passeio pode ter dar. É realmente impressionante.

Minha dica de restaurante aqui é o Peixe na Telha. É sensacional. Você pode experimentar os pratos com o mesmo nome do restaurante de frente pra praia. Com certeza vai amar!

Jangadas
Jangadas
Ouriço
Ouriço
Porto de Galinhas - Piscinas Naturais
Porto de Galinhas – Piscinas Naturais
Porto de Galinhas - Piscinas Naturais
Porto de Galinhas – Piscinas Naturais

NOTA: Aproveite sua ida para comprar bolo de rolo na Casa do Bolo de Rolo. Dizem que é o melhor que tem e lá tem de vários sabores e tamanho. Voltei pra casa com um de cada.

Bolo de Rolo
Bolo de Rolo

 

– Pontal de Maracaípe

Um passeio pelo manguezal (não precisa ter nojo). Você vai ver muitos caranguejos, siris e cavalos-marinhos.

Pontal de Maracaípe

Pontal de Maracaípe

Cavalo marinho grávido
Cavalo marinho grávido
Siris  fêmea e macho
Siris fêmea e macho

– Açude de Gaibú

Mais um lugar pra tomar banho de argila. Dessa vez, dentro de um açude. Você não esfrega a argila no corpo. É literalmente um banho.

gaibu

gaibu2

– Praia de Calhetas

Diz a lenda que ela tem forma de coração. Acho que pela foto da pra perceber.

Não consegui aproveitar muito esse passeio. Pegamos muita chuva no dia e estava um pouco frio pra arriscar uma tirolesa.

calhetas

– Praia de Boa Viagem

A praia é linda, mas não se iluda. Ela não é recomendada pra banho. Muitos banhistas que se arriscam acabam sendo atacados por tubarões.

boaviagem

boaviagem2

– Marco 0

É daqui que começam todas as contagens de quilometragem.

recife

recife2

– Casa de Cultura

É uma antiga prisão. Hoje você consegue comprar artesanato e doces típicos. Uma das celas foi preservada e você pode ver as marcas feitas no passado.

É um bom lugar pra comprar cachaça típica e o delicioso Nego Bom, uma bananada em formato de bala.

Casa de Cultura

Casa de Cultura

Casa de Cultura

Casa de Cultura

– Olinda

Não conheci muita coisa de Olinda que não sejam as ladeiras, a tapioca e o repente. A passagem foi bem breve.

Vista de Recife a partir de Olinda
Vista de Recife a partir de Olinda (Praça São Bento)
Eu e Lampião
Eu e Lampião

– Instituto Ricardo Brennand

Impressionante esse lugar. Mais impressionante é saber que é um acervo particular tranformado em uma espécie de museu com visitação ao público. Se você tiver tempo, vale a visita.  É um lugar super conservado e com exemplares incríveis. Dentre eles uma coleção enorme de facas e espadas.

ricardo

ricardo2

ricardo3

ricardo4

ricardo5

ricardo6

ricardo7

ricardo8

ricardo9

ricardo10

– Projeto do Peixe-Boi

Aqui ficou a parte errada da viagem. Existem dois diferentes. Um sentido Maragogi e outro mais pros lados de João Pessoa. Eu deveria ter ido pro que fica perto de Maragogi, mas não sabia e errei o caminho.

Honestamente, não vale a pena ir tão longe pra não ter tanta proximidade com os animais. No outro projeto eles até nadam perto da jangada. Aproveitei o passeio pra conhecer outros lugares.

– Praia de Muro Alto

Basicamente é um muro enorme que quando a maré baixa represa água como se fosse uma piscina. A faixa de areia é bem curta, mas é uma praia bastante gostosa.

muroalto

– Praia de Itapuama

Passei por lá. Nem cheguei perto. Me disseram que tem ataque de tubarão. A foto é só pra registrar o momento.

itapuama

Anúncios