Arquivo da categoria: San Francisco

San Francisco, California – EUA

Quando chega o dia de postar sobre alguma viagem é porque ela já acabou. Dessa vez foi difícil demais voltar. Depois de uma viagem incrível, um clima incrível, um país incrível, uma companhia incrível…é complicado voltar pra casa.

Aqui começa uma série de posts sobre a minha road trip mais que esperada. Não sei quantos vão ser ou se vou lembrar de todos os detalhes, mas vou tentar ser relevante.

Lá no final do post tem um banner com vários descontos de atrações em San Francisco. Vale a pena dar uma conferida!

Viajar para a California não é uma viagem de menos de 15 dias. Fica difícil aproveitar tanta coisa em tão pouco tempo. Você acaba dando só uma pincelada e sua viagem acaba virando um vista point infinito. Só chegar, tirar foto e sair. Em vários lugares vai ser isso mesmo, mas é bom poder parar pra curtir o caminho.

Fiz um voo do GIG – ATL – SFO na ida. Se você também é viciado em viagens, já deve estar familiarizado com as siglas dos aeroportos. Se não, vai a explicação. O voo foi Rio de Janeiro – Atlanta – San Francisco. Quase 19 horas de viagem é um pouco desgastante, mas valeu a pena.

Se você também for de Delta, tenha em mente que o aeroporto de Atlanta é o hub da empresa e todos os voos chegam aos EUA por lá. O aeroporto é enorme e para você chegar de um ponto a outro precisa de mais ou menos meia hora, além do tempo da imigração que pode ser bem grande. Não faça escalas curtas. Acredite, minha conexão de 3h foi o tempo suficiente para imigrar, esticar as pernas e pegar mais um voo.

San Fran, para os íntimos, é um lugar especial para mim. Um belo dia acordei e tinha um shot glass em cima da cômoda. Quem me conhece sabe que eu tenho uma coleção enorme de copinhos dos lugares por onde passei. Esse eu não tinha comprado. Ganhei do meu namorado. E quando peguei, tinham duas alianças dentro. De outra cor. Dessa vez de ouro. Agora somos noivo e não tinha companhia melhor pra essa viagem. Não tinha mesmo. Morávamos longe um do outro e foi ótimo passar tanto tempo juntos vivendo esse sonho incrível que é a Califórnia.

Meu bem, muito obrigada por você ter dividido isso comigo. Não tinha como ser melhor. Nem mesmo o banheiro compartilhado e os dinossauros apagaram o brilho dessa viagem. Te amo muito.

HOSPEDAGEM

San Francisco é um dos lugares mais caros para se hospedar na Califórnia. Só compete com Los Angeles mesmo. É difícil conseguir um hotelzinho que seja com uma diária menor que US$ 120.

Um dica para conseguir um valor mais em conta é utilizando o Hot Wire. A grande jogada do site é vender vagas em hotéis sem que você saiba onde vai ficar. Você escolhe pela localização, quantidade de estrelas e faz a reserva. Assim que a reserva é concluída você recebe um voucher com os dados do hotel. Até mesmo as pessoas rigorosas têm espaço nesse site já que ele faz reservas para todos os tipos de hotéis.

Eu fiquei no La Luna Inn, um hotel bem localizado na Lombard St que cumpre bem o papel e tem um preço justo.

Não deixe para reservar em cima da hora. Os preços vão aumentar e muito.

TRANSPORTE

Contrariando tudo que me disseram, resolvi alugar um carro ainda em San Fran. Não é impossível estacionar e o trânsito é um delícia para dirigir. Não tem sinal de trânsito na maioria das ruas e as pessoas são super civilizadas. Basta você esperar a sua vez.

Cable Car
Cable Car

Também experimentei o cable car. Ele te leva para muitos lugares da cidade e é super possível ir com ele para vários pontos importantes.

Tive a impressão que todos os meios de transporte passam por todos os lugares. Também andei de ônibus um dia e foi ótimo, barato e me deixou onde eu precisava ficar.

PASSEIOS

Se você chegar na cidade sem saber muito o que fazer, recomendo o City SightSeeing, um ônibus hop on – hop off, que você pode entrar e sair onde achar que deve. Aí você volta depois nos lugares que mais gostou pra conhecer melhor. São vários tipos de passeios.

Como fiquei 4 dias por lá e já tinha feito praticamente tudo de carro acabei não usando o ônibus, mas foi bastante recomendado pelas pessoas que consultei quando estava montando meu roteiro.

– Golden Gate

A Golden Gate merecia um post só pra ela. Certamente se você for de carro não vai saber que lá tem pedágio e muito menos como pagar. Não se preocupe. Se o carro for alugado você provavelmente já vai ter pago esse valor no seguro ou o valor será adicionado depois. Os pedágios de lá são na maioria por satélite e você nem vai ver o guichê de pagamento. Exceto na Bay Bridge.

DSC_0797

 

Tirar uma boa foto da Golden Gate pode ser quase um mistério. Ficamos procurando o melhor ponto por bastante tempo e chegamos a conclusão que o melhor ponto era do outro lado da ponte, no caminho para Sausalito.

São dois pontos que você pode tirar fotos. O Vista Point (que a ponte está no mesmo nível que você) e o Fort Point (que o ângulo é de baixo e a ponte aparece quase inteira na foto). Na nossa opinião, o melhor lugar é o Fort Point. Além da foto ficar muito mais bonita, ainda é um lugar mais vazio.

Você também tem a opção de atravessar a ponte de bicicleta ou andando. Na minha opinião o melhor da ponte é não estar em cima dela. Não tem um visual incrível de cima dela e no final do dia a neblina desce e você não enxerga muita coisa.

Foto tirada no Vista Point
Foto tirada no Vista Point
7
Foto tirada no Fort Point

 

– Lombard Street

A rua por si só é uma atração na cidade. É uma das ruas mais famosas da cidades por ter uma ladeira sinuosa. Pode até parecer bem simples, mas atravessar essa ladeira requer paciência e até 1h de espera nos finais de semana. No caminho você vai encontrar muitas casas lindas para admirar.

DSC_0214

 – Alcatraz

Valor para adulto: US$ 30 + taxas (Para comprar clique aqui)

DSC_0232 DSC_0230

É um dos passeios mais legais de San Francisco. O preço inclui o ferry até a ilha e você pode passar o dia inteiro lá. Se quiser poupar tempo, reserve o early bird. É o horário mais cedo do passeio e seu dia vai render muito mais.

Era para lá que iam os criminosos mais perigosos da América do norte. Após a primeira fuga a prisão foi fechada sob a alegação de alto custo de manutenção. Na verdade ela só não tinha a mesma garantia de segurança que as outras prisões mais modernas.

DSC_0389

DSC_0393

Posteriormente a ilha foi invadida por líderes indígenas que ficaram por lá por 19 meses como forma de protesto para reivindicarem por terras já que existia uma lei que permitia a ocupação de qualquer espaço desocupado. Esse tempo que eles passaram por lá garantiu várias escritas sobre liberdade pela prisão.

DSC_0293

Esqueça tudo que te disseram sobre o clima sombrio. Alcatraz não tem nada disso. Quando você chegar lá vai inclusive descobrir que várias pessoas moravam lá. Mulheres e filhos de funcionários que acreditavam que o lugar era bom e calmo para criar um filho.

DSC_0373 DSC_0387

– Pier 39

É um lugar de San Fran que está sempre lotado. Cheio de lojinhas e restaurantes, é uma boa pedida pra gastar umas horinhas por lá. É também o lugar que você vê os leões marinhos sobre a balsa. Provavelmente você vai ver muitos lugares com fotos desses bichinhos.

DSC_0435

DSC_0473

DSC_0482

– Pier 45 / Musée Mécanique

Valor da entrada: grátis

Clique aqui para ver o site

Andando pela mesma rua você vai encontrar o Pier 45. Por acaso passamos por lá e tivemos a curiosidade de entrar no Musée Mécanique, a maior coleção de máquinas operadas por moedas do mundo. São mais de 200 máquinas incluindo caixas de música, cabines de foto e um monte de brinquedos que são tão antigos que chegam a parecer macabros. Vale a pena a visita.

DSC_0507

Musée Mécanique
Musée Mécanique

 

– Boudin Bakery at the Wharf

Também por ali fica a Boudin Bakery. Um lugar super delicioso pra você comer um sanduíche ou pedir o famoso pão sourdough com a mais famosa ainda sopa clam chowder.

A padaria é super famosa pelos pães com formatos de animais e o sourdough, um pão com uma massa de gosto forte e um pouquinho azeda. Se você der sorte vai ver alguém preparando pães quando passar por lá.

Boudin Bakery at the Wharf
Boudin Bakery at the Wharf

DSC_0718

– Fisherman’s Wharf

Eu experimentei a famosa clam chowder pela rua mesmo. Andando por lá pertinho no símbolo do Fisherman’s Wharf tem várias lojinhas que vendem a sopa. Nada mais é do que uma sopa de moluscos. Calma, parece estranho, mas juro que até pros mais frescos como eu vale a experiência. É super gostosa e você nem vai lembrar do que ela é feita na hora.  Você também pode pedir uma lagosta ou um caranguejo real.

Em tempo: trazer clam chowder pro Brasil e comer em casa não tem o mesmo gosto. Não é tão gostoso e não tem o mesmo pão. Que ruim isso!

DSC_0708

Clam Chowder ou /clamxauda/
Clam Chowder ou /clamxauda/
DSC_0511
King Crab

DSC_0512

– Palace of Fine Arts

Site oficial: http://www.palaceoffinearts.org/

DSC_0577

Não tem nada de super especial por lá.  A construção foi originalmente feita em gesso para a exposição Panamá-Pacífico de 1915. Apesar de não ter sido feito para durar pra sempre, a estrutura de gesso estruturada com aço chamou a atenção das pessoas que passaram a querer uma versão permanente do Palace of Fine Arts no Golden Gate State Park. Quanto a exposição acabou em 1916 a demanda por ver o Palace of Fine Arts continuou e ele continuou aberto. Ele se tornou um lugar para inúmeras mostras de arte e foi mantido por doações e fundos. Por conta do material com o qual ele foi feito e da natureza ele começou a arruinar. As plantas começaram a tomar conta do lugar e as pessoas começaram a pedir por uma restauração. Em 1958 o governo da Califórnia deu 2 milhões de dólares para a restauração e em 1965 começaram a construção do novo palácio. É um lugar com flores bem bonitas e normalmente casais vão para lá pra tirarem as famosas fotos antes do casamento.

DSC_0596

 – Union Square

É o centro de San Francisco. Onde estão as maiores e melhores lojas da cidade. Você pode chegar lá de bonde super fácil e andar bastante não só na Union Square como nas redondezas.

Você vai ver muitos corações ao chegar lá e espalhados pela cidade também. A instalação foi uma ideia do Hospital Geral de San Francisco inspirada na CowParade para angariar fundos e a escolha dos corações foi inspirada na música de Tony Bennett, “I left my heart in San Francisco”. Todo ano os corações são leiloados e dão lugar a novos corações. A verba arrecadada é encaminhada para a Fundação do Hospital Geral de San Francisco.

Hearts in San Francisco
Hearts in San Francisco

 

– Ghirardelli Square 

A cidade respira Ghirardelli. Tem desses chocolates deliciosos por todos os cantos. Se você quiser ir em uma loja grande, visite o Ghirardelli Square. Lá também tem um monte de restaurantes e algumas lojinhas.

DSC_0829

DSC_0834

 – Alamo Square

Não passa de um bairro residencial em San Francisco com casinhas lindas no estilo vitoriano. Vale a pena ir pra lá pra admirar essas fofuras.

DSC_0694

– Sausalito

É bom dar um pulinho lá. Essa é a primeira cidade que você vai encontrar quando atravessar a Golden Gate. Não tem muita coisa para fazer por lá, mas é tão pertinho que vale a visita. Tem restaurantes lindos e uma vista incrível para a cidade de San Francisco.


DSC_0784

DSC_0790
Missing french fries

 

Se você gostou desses passeios ou tem outros em mente, clique na imagem abaixo e confira os preços da nossa parceria com a TicketBar. Assim você pode garantir seus ingressos com desconto e ainda evitar filas.

TOP 5 tour affiliate link image

 

Anúncios